Coleção: KeepitNatural Portugal

Sobre o Produtor

A história é recente. Oficialmente, a KeepitNatural arranca em 2019. Alguns anos antes, em 2014, Pedro Salvador, natural do Porto e com um percurso internacional em gestão, mudou-se para Ponte de Lima. O mundo rural o conquista. Apaixonou-se tanto que dois anos depois já era mestre em Agricultura Orgânica. A sua veia empreendedora levou-o a reavivar as tradições familiares na produção de vinho dos seus antepassados e da sua esposa. O casal adquire Leiras de Lamaçães com cerca de 1 hectare na freguesia de Gondufe em Ponte de Lima e outra parcela de Leiras de Vilar em Gemieira, também em Ponte de Lima, com cerca de 0,5 hectares onde plantam novas vinhas.

Se o projeto é muito jovem, essas áreas têm uma longa história. Ali, a poucas centenas de metros da margem esquerda do rio Lima e a cerca de oito quilómetros da vila de Ponte de Lima, tudo é inspirador. E essas encostas montanhosas proporcionam um local privilegiado de beleza cênica e qualidade ambiental de vida.

É neste interior da sub-região do Lima, dominado por solos graníticos, onde também existem solos de origem xistosa, e um clima característico que revela o grande potencial que conduz à criação de vinhos da mais alta qualidade. Essa foi a razão para se estabelecer neste lugar tão especial.

A vontade e propósito da KeepitNatural é não ser mais uma nesta região vinícola que vive uma dinâmica imparável e que atrai muitos por dentro e por fora. O objetivo é fazer o melhor, produzir vinhos da mais alta qualidade, pautados pelos valores de respeito à natureza, humanidade, economia circular e sustentabilidade.

Uma das primeiras tarefas, em 2020, foi a recuperação da vinha mais antiga, uma vinha com mais de duas décadas de vida. Eles sempre acreditaram que era possível reviver esse ecossistema contra sugestões e comentários em contrário, e esse tempo foi perdido. Confiar que a vida é feita de escolhas e opções, as suas já foram feitas há muito tempo. Sabendo que o caminho não é fácil e que poucos acreditam nesta região, adotaram, contra tudo e contra todos os preconceitos, as regras do modo de produção orgânico. Sem pressa e sem pausas, como eles assumem.

Em 2020 realizou-se a primeira vindima e que resultou em 1.000 garrafas de vinho branco da casta Loureiro, nas quais aplicaram toda a sua energia num vinho feito com muita paixão. É com a marca STILLA PURA que este primeiro vinho chega ao mercado em 2021. STILLA PURA, do latim Gota Pura, traduz a vontade de produzir de forma natural, amparada na família ancestral e no conhecimento científico.

2 produtos